Info
Content

Como cadastro uma medição filha?

Similarmente a funcionalidade de orçamentos filhos, as medições filhas disponibilizam a possibilidade de gerar uma medição "consolidada". Entre as aplicações poderiamos destacar a separação de medições por logradouro no caso de obras de manutenção de vias ou o cadastro de medições parciais.

PASSO 1 - Habilitar funcionalidade

O primeiro passo para utilizar essa funcionalidade é a ativação dela dentro das configurações da sua entidade. Dentre as opções da entidade, habilite a opção abaixo e salve:

Lembre-se de fazer o login novamente ou atualizar a página para a alteração fazer efeito.

Se você não tem acesso às configurações da sua entidade, peça para o administrador do seu município fazer a modificação.

PASSO 2 - Fazer o cadastro da medição pai

Antes de cadastrar as medições filhas, é preciso criar uma medição como se fosse realizar um cadastro padrão. Os dados podem ser inválidos, lembrando que no caso da medição é preciso colocar algum valor diferente de zero:

Um botão amarelo aparecerá ao lado do botão excluir, conforme imagem acima.

PASSO 3 - Criar medição filha

Ao clicar no botão amarelo abrirá uma tela para o cadastro da medição filha. O preenchimento é idêntico a qualquer cadastro lembrando que o número da medição filha é usado como identificação na medição Pai:

Na figura abaixo foram usadas os identifcadores "Medição rua 1" e "Rua 2":

PASSO 4 - Importar dados para medição pai

Ao abrir a medição pai as seguintes informações aparecerão:

A partir dessas informações é possível saber quais medições filhas foram alteradas, quando e pode-se realizar a importação desses dados para o medição pai.

LEMBRANDO QUE A IMPORTAÇÃO SOBRESCREVE TODOS OS DADOS.

Back to top